segunda-feira, 25 de abril de 2011

Poetinha I

No fundo o que eu quero é que ninguém me entenda.
Para eu poder te amar tragicamente!

elegia lírica,
vinícius de moraes

3 comentários:

  1. own *.*

    estou seguindo aqui, já!

    Beijão

    http://limao-e-mel.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. coisa mais linda o Vinícius...

    ResponderExcluir

Não estamos mais em 1968.